img

Após um ano ausente, Copa SP começa neste domingo (2)

Copa São Paulo de Futebol Júnior começa neste domingo (2) Anderson Rodrigues/FPF A Copa São Paulo de Futebol Júnior volta ao calendário do futebol brasileiro após um ano de ausência e começa neste domingo (2). Essa será a 52ª edição do tradicional e mais importante torneio de base do Brasil, com a participação de mais de três mil atletas e 128 times de todo o país, divididos em 32 grupos com quatro clubes cada.  Em 2021, a competição foi cancelada em razão da pandemia. Logo, a edição deste ano terá a participação de jogadores nascidos em 2001, o que na prática não seria possível já que o regulamento da competição permite atletas de até 20 anos.  A grande final, que ocorre no dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo, não ocorrerá no Pacaembu, onde tradicionalmente é disputada, já que o estádio passa por reformas. No entanto, a FPF (Federação Paulista de Futebol) ainda não definiu um novo palco para a decisão. Na última edição realizada, em 2020, quem se sagrou campeão foi o Internacional, nos pênaltis, contra o rival Grêmio.  Na última edição da Copa SP, o Internacional se sagrou o grande campeão Alexandre Battibugli/FPF Neste domingo (2), Mirassol-SP e Taguatinga-DF, às 13h45, dão o pontapé inicial da Copinha, pelo grupo 3. Depois, às 16h, é a vez de Sport-PE e Confiança-SE entarem em campo pela mesma chave. Às 18h30, Linense-SP e Andirá-AC fazem o jogo de abertura do grupo 4, que conta também com o Atlético-MG, que enfrenta a equipe do Aliança-AL, às 20h45.  Modelo de disputa e protocolos da Covid-19 Em 2022, a Copa SP segue a mesma fórmula de disputa das últimas edição. A primeira fase é formada por grupos de quatro clubes cada que jogam entre si. As duas melhores equipes de cada chave avançam para segunda fase, em que as partidas são disputadas em formato mata-mata, mas em jogo único.  Veja também Futebol Veja promessas que podem aparecer no Santos em 2022 Futebol Corinthians divulga protoclos para os torcedores acompanharem o clube na primeira fase da Copinha Futebol Santos corta Renyer, Breno, Victor Yan e Balieiro da Copinha. Veja a lista final O torcedor que quiser assistir aos jogos presencialmente terá que cumprir o protocolo exigido pela FPF. Além do uso da máscara, é necessário apresentar o comprovante de vacinação com as duas doses ou dose única. Caso tenha somente a primeira dose do imunizante, será obrigatório a apresentação de um resultado negativo do teste PCR, realizado até 48 horas antes do jogo, ou o resultado negativo de teste antígeno com até 24 horas de antecedência. Os maiores campeões A Copinha começou a ser disputada em 1969. De lá para cá, foram 51 edições — com exceção de 2021 — e 22 campeões diferentes. Quem mais venceu o torneio foi o Corinthians, com dez títulos. Atrás do Timão vem Fluminense e Internacional, com cinco cada.  Leia também Vanderson, ex-lateral do Grêmio, é anunciado como reforço do Monaco Vadim Khamuttskikh, lenda do vôlei russo, morre aos 52 anos 2022. Acabaram as desculpas para o "Menino Ney". Champions e Copa do Catar para mostrar seu real valor Confira os maiores campeões da Copinha Corinthians (10 títulos) Fluminense e Internacional (5 títulos) Flamengo e São Paulo (4 títulos) Atlético-MG e Santos (3 títulos) Ponte Preta, Portuguesa e Nacional (2 títulos) América-MG, América-SP, Cruzeiro, Figueirense, Guarani, Juventus-SP, Paulista de Jundiaí, Marília, Roma Barueri, Santo André e Vasco (1 título) De muletas, Neymar curte virada com festão em Mangaratiba  

×