Após última partida pelo Flamengo, “jogador” provoca torcida: “87 é do Sport”

img

Sport de olho! O Flamengo encerrou sua participação no CBLOL de maneira triste: o time não passou perto de chegar aos playoffs do CBLOL 2022, e a reformulação para Los Grandes já deu as caras há algum tempo. Depois da última rodada do 2º split, o Caçador Filipe “Ranger” colocou mais uma entrada no histórico de crise de identidade que o Fla Los Grandes vem sofrendo. Após vencer a paiN, ele relembrou a polêmica do título brasileiro de futebol em 1987. Nossa história termina aqui.Infelizmente não foi o conto de fadas que almejei pessoalmente, mas o aprendizado desse split vai pra vida toda. Ano que vem a LOS vem com tudo pra esse CBLOL. 87 é do Sport.— El Ranger (@rangerlol1) August 7, 2022 Não é a primeira vez que, mesmo vestindo a camisa do Flamengo Los Grandes, que Ranger provoca a torcida do clube carioca. Em julho, ele respondeu às críticas de uma torcida organizada depois de sofrer a terceira derrota seguida. Em 2023, o CBLOL não contará mais com o Flamengo. A vaga da Simplicity, que gerencia os esports do clube carioca, foi integralmente comprada pela Los Grandes. O 2º split de 2022 serviu como uma etapa de transição, com o time sendo chamado de Flamengo Los Grandes; a partir do próximo ano, entretanto, a equipe será apenas Los Grandes. Ranger já está confirmado no elenco da Onda Laranja para a 1ª etapa. Primeiro dia do lateral Eduardo no Sport Diretoria do Sport define quais posições são prioridade para reforçar o elenco O Sport anunciou quatro reforços nas últimas semanas. Três atacantes, Vagner, Love, Gustavo Coutinho e Wanderson, além do lateral-direito Eduardo. Porém, a diretoria de futebol ainda planeja dar ao técnico Claudinei Oliveira mais duas opções de reforços visando o restante da competição: outro atacante que atue pelos lados do campo, e um meio-campista. “A gente continua em nossa busca. Buscamos mais um atacante de beirada, e estamos procurando, lutando bastante. E se possível também um meia ofensivo.”, destacou o presidente executivo do Sport, Yuri Romão, em entrevista à Rádio Clube de Pernambuco. Outro ponto que reforça a necessidade do Sport contratar mais uma peça para o meio de campo é a saída de Alanzinho, a pedido do Palmeiras. Cenário que assim pode, enfim, fechar o elenco por hora, até o final da Série B, em novembro. “(Queremos) pelo menos mais um. Mas se for possível, se a gente encontrar esse meia ofensivo, poderíamos fazer um esforço para trazê-lo”, reforçou o presidente leonino.

×