Chelsea 'risca' Cristiano Ronaldo dos planos para janeiro

img

Cristiano Ronaldo está, uma vez mais, nas 'bocas do mundo', depois de ter chegado a acordo com o Manchester United tendo em vista a rescisão do contrato que unia ambas as partes, fazendo 'disparar' as dúvidas quanto ao próximo passo na carreira. O Chelsea foi apontado, nas últimas horas, como um dos destinos mais prováveis para o futuro imediato do internacional português, mas, esta quarta-feira, o jornal britânico The Telegraph escreve que esta é uma operação 'sem pernas para andar'. O dono dos blues, Todd Boehly até veria com bons olhos a aquisição do jogador de 37 anos, mas esta terá sido 'vetada' pelo treinador, Graham Potter, à imagem daquilo que sucedeu antes do arranque da temporada, com Thomas Tuchel. O treinador do conjunto londrino entende ter à disposição opções para o ataque de sobra, particularmente, depois da contratação de Pierre-Emerick Aubameyang, proveniente do Barcelona, no passado mercado de transferências de verão. A publicação refere que Graham Potter teme que a eventual chegada do ex-Sporting criasse "desarmonia" no balneário, pelo que a prioridade do próximo defeso passará, unicamente, pela chegada de um defesa e de um médio. Leia Também: "Terremoto" à vista. Arábia Saudita quer juntar Cristiano Ronaldo e Messi

×