Haaland deixa Manchester City em alerta: "Fica 3 ou 4 anos, no máximo"

img

O pai de Erling Haaland, Alf-Inge, fez soar os 'alarmes' no Manchester City, ao revelar os planos que este tem para o futuro próximo na carreira de jogador profissional de futebol, no recém-estreado documentário 'Haaland: The Big Decision". "Penso que o Erling quer demonstrar as suas qualidades em todos os campeonatos. Ele pode ficar lá [no Manchester City] durante três ou quatro anos, no máximo", começou por dizer o representante do internacional norueguês. "Ele poderia, por exemplo, jogar durante dois anos e meio, na Alemanha, durante dois anos e meio, em Inglaterra, e, depois, em Espanha, Itália e França, certo?", completou Alf-Inge, que também representou os citizens, entre 2000 e 2003. Erling Haaland, recorde-se, chegou ao Etihad no passado mercado de transferências de verão, proveniente do Borussia Dortmund, por cerca de 75 milhões de euros, tendo assinado um contrato válido até junho de 2027.  

×